SELFCARE: o que significa FODMAP’S

Como anda a saúde do seu intestino? Saiba que é muito importante você cuidar dele, porque é considerado o nosso segundo cérebro, por isso é bom vc já saber o que significa FODMAPS.

É uma sigla em inglês para um conjunto de carboidratos de difícil digestão e eles são classificados em: Oligossacarídeos (presente nos grãos e leguminosas), dissacarídeos (açúcar do leite=lactose), monossacarídeos (açúcar das frutas) e polióis (adoçantes).

Os alimentos que contém estes tipos de carboidrato são altamente fermentáveis e por isso causam desconforto intestinal e abdominal. Além disso, eles também têm capacidade de atrair um grande volume de água.

E como saber se fazem mal ou não ao seu organismo? 😅 Cortando absolutamente tudo isso!!

A dieta do Fodmaps é indicada principalmente na Síndrome do Intestino Irritável, uma doença causada por um conjunto de sintomas que geram dor, distensão abdominal, constipação e diarreia. 

Com a dieta do fodmaps é possível identificar quais alimentos fazem mal e assim, ao elimina-los da rotina ou como em alguns casos, diminui-los, há uma melhora significativa nos sintomas. 

 Como fazer a dieta fodmaps?

A dieta consiste em duas fases:

  1. Exclusão:

Você irá excluir do seu cardápio os alimentos listado baixo por até 8 semanas. 

  1. Reintrodução: 

Esta etapa é importante, porque você irá entender sua tolerância diante de cada alimento. Então, após o período de exclusão, você irá introduzir os alimentos da lista aos poucos, observando os sintomas e lembre-se de anotar quais sintomas você teve.

Ah, nunca introduza dois juntos, porque se você passar mal, não saberá qual deu o efeito. 

  1. Frutas: frutas secas, maçã, nectarina, melancia, pera, pêssego, manga, abacate e cereja.
  2. Laticínios: todos os tipos de leite e derivados, na verdade só os que contenham lactose ( nessa dieta eles não incluem a proteína do leite, que pode sim ser consumida, o que na minha opinião é um erro😅, pq considero altamente inflamatória ao nosso organismo)
  3. Hortaliças e leguminosas: feijão, lentilha, ervilha e grão-de-bico, alho-poró, alcachofra, aspargo, brócolis, couve, cebola e couve-flor.
  4. Cereais e massas: qualquer alimento com glúten. 
  5. Outros: mel, adoçantes a base de sorbitol e manitol. E alimentos altamente industrializados como: hambúrguer, linguiça, ketchup, frios etc.  Refrigerante, suco de frutas, café instantâneo, castanha e pistache também devem ser eliminados. 

Essa matéria é para informar vocês das coisas, mas na dieta que eu faço incluo mais alimentos, por isso é preciso se conhecer bem e contar com a ajuda de um nutricionista p fazer direitinho, mas tudo isso já é um bom começo. Além de ficar atento a quais alimentos comer, invista em probióticos , pode ser o manipulado ou não, Kombucha ou Kefir. 

Essa matéria é para informar vocês das coisas, mas na dieta que eu faço incluo mais alimentos, por isso é preciso se conhecer bem e contar com a ajuda de um nutricionista p fazer direitinho, mas saber tudo isso já é um bom começo para ficar atento, agende uma consulta com um nutricionista para substituir corretamente os alimentos e cuidar da sua saúde intestinal.