Jean Paul Gaultier e a despedida da Alta Costura

A semana de alta costura de Paris sempre é marcada por algum aspecto. Dessa vez, foi pelo anúncio de nada menos que Jean Paul Gaultier celebrando 50 anos fazendo moda, e dizendo adeus às passarelas.

Para Gaultier, a carreira na Moda nunca foi algo super planejado! Ele realizava esboços e os encaminhava para estilistas famosos… E foi assim que em 1971 ele conseguiu o cargo de assistente de Pierre Cardin, ja entrando nesse mundo tão disputado!

Pouco antes da década de 80, Jean Paul lançou sua primeira coleção e ja mostrava sua moda irreverente. Ele trouxe modelos exóticas com piercings e tatuagens, homens mais velhos e mulheres fora do famoso “padrão de beleza”. O impasse de agradar ou não agradar os críticos sempre esteve presente, mas o designer nunca se abalou.

Seu marco foi nos anos 90, quando Jean Paul Gaultier produziu pecas para ninguém menos que: Madonna! Sim, é de la que vem o icônico sutiã de cone!!

Eu acho que os looks sempre tiveram uma pegada mais performática, com cara de palco e telas de cinema… Nunca me interessei em ter algo do designer, mas adoro!!

Depois de 50 anos, já é hora de dar uma pausa, né?! Mas não!! Jean Paul diz ja ter outro projeto em mente, que ficaremos sabendo em breve!!

Um super destaque para seu ultimo desfile que aconteceu ontem (22), onde mais de 200 looks foram apresentados contando com detalhes toda sua trajetória.

O desfile foi super emocionante, e Jean Paul trouxe para a passarela modelos super renomadas que fizeram parte de sua carreira. A performance geral foi somada à uma setlist de dar inveja, show de balé, além de outros estilistas e influenciadores do mundo todo.

Vai dar saudade, né?!